Pular para as informações do produto
1 de 5

Com certificado de autenticidade e garantia

Esboço arquitetônico de Lúcio Costa

Esboço arquitetônico de Lúcio Costa

Preço normal R$ 3.500,00 BRL
Preço normal Preço promocional R$ 3.500,00 BRL
Promoção Tem novo guardião

O idealizador de Brasília, Lúcio Costa, desenha e assina o pequeno esboço de um hotel.

  • Pequeno esboço de um hotel desenhado e assinado por Lúcio Costa.
  • Um folha, papel vegetal transparente, caneta preta.
  • Sem informações sobre a data e a localização.
  • 23 cm x +/- 9 cm.
  • Excelente estado.
  • Peça única.

Lúcio Costa foi o urbanista principal por trás do plano piloto de Brasília, tendo vencido a competição nacional para o plano diretor da nova capital em 1957. Seu plano definiu o layout geral da cidade, com o formato icônico de avião ou cruz, projetado para facilitar o fluxo de tráfego e a divisão das áreas residenciais e administrativas. Costa concebeu o plano urbano de Brasília alinhado aos princípios do movimento modernista.

Seu nome está associado ao de Oscar Niemeyer, arquiteto responsável pelo design dos principais edifícios governamentais e monumentos da nova capital, como o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto, o Supremo Tribunal Federal e a Catedral de Brasília. Niemeyer era conhecido por seu estilo distinto, caracterizado por formas curvas e abstratas, e suas obras em Brasília são consideradas exemplos clássicos da arquitetura moderna.

Usando uma analogia, Costa definiu o corpo e o esqueleto de Brasília, enquanto Niemeyer deu vida a esse corpo com a pele e os detalhes que definiram a aparência e a identidade da cidade. Ambos são essenciais para a existência da cidade como é conhecida hoje, e suas colaborações refletem um diálogo entre urbanismo e arquitetura que caracterizou o espírito inovador e visionário da época.

Este pequeno esboço de hotel, desenhado e assinado por Lúcio Costa, é típico dos rascunhos preliminares de um arquiteto. Pesquisamos, mas não conseguimos determinar a qual hotel esse desenho poderia corresponder; pode estar relacionado a algum projeto em Brasília ou em outro local, possivelmente parte de um estudo preliminar ou de um projeto que nunca foi realizado. Nem sempre os arquitetos assinam seus esboços; mas este foi provavelmente assinado por Lúcio Costa ao presentear alguém.

Todos os arquivos de Lúcio Costa foram doados por sua família à Casa da Arquitectura em Portugal em 2021, que assumiu a responsabilidade de conservar, estudar e, eventualmente, exibir o acervo. Este é o primeiro esboço que descobrimos e autenticamos nos últimos quinze anos.


Ver informações completas

Formulário de contato