Pular para as informações do produto
1 de 4

Com certificado de autenticidade e garantia

Fotografias de Christiano Junior (1871)

Fotografias de Christiano Junior (1871)

Preço normal R$ 1.500,00 BRL
Preço normal Preço promocional R$ 1.500,00 BRL
Promoção Tem novo guardião

Christiano Junior, um dos pioneiros da fotografia no Brasil e na Argentina, conquista um prêmio na Exposição Nacional de Córdoba em 1871.

Duas fotografias estereográficas de Christiano Junior representando as obras da Exposição Nacional de Cordoba, na Argentina em 1870-1871. 17.4 cm x 8.8 cm. Estado medio.

O português Christiano Junior (1832-1903) é reconhecido como um dos pioneiros da fotografia no Brasil e na Argentina. Ele atuou no Brasil entre 1862 e 1866, ficando famoso pelos seus retratos de escravos em formato de cartão de visita, que os estrangeiros em visita ao Brasil compravam para montar álbuns de recordação.

Em 1867, ele decidiu se mudar para a Argentina, onde a concorrência possivelmente era menos acirrada, e concentrou-se em fotografias de paisagens, utilizando novas técnicas. Essa abordagem lhe rendeu sucesso até sua morte, e seu filho deu continuidade ao legado familiar. No excelente livro "Brésil, les premiers photographes d'un empire sous les Tropiques" (editora Gallimard) - meu livro preferido sobre a história da fotografia no Brasil - Bia e Pedro Corrêa do Lago explicam que Christiano Junior provavelmente já praticava a fotografia de paisagens no Brasil com paisagistas renomados como Klumb ou Stahl, mas não há provas disso.

As duas fotografias estereográficas oferecidas aqui foram encontradas nos Estados Unidos e mostram pavilhões durante as obras da Exposição Nacional de Córdoba, a primeira na Argentina, que tinha o objetivo de mostrar a vitalidade e a riqueza da República. No verso, pode-se ler que elas ganharam o prêmio de fotografia em nome do grande estabelecimento de fotografia e pintura de Christiano Junior em Buenos Aires, rua Florida 160, e logo abaixo está o endereço de seu estúdio no Rio de Janeiro, rua Quitanda, 45. Isso indica que Christiano Junior manteve atividades nos dois países por um tempo, pelo menos até 1871, criando uma empresa multinacional da fotografia!

As fotografias de Christiano Junior são raras no mercado.

Ver informações completas

Formulário de contato