Três autógrafos de Pelé (1960)
Três autógrafos de Pelé (1960)
Três autógrafos de Pelé (1960)
  • Carregar imagem no visualizador da galeria, Três autógrafos de Pelé (1960)
  • Carregar imagem no visualizador da galeria, Três autógrafos de Pelé (1960)
  • Carregar imagem no visualizador da galeria, Três autógrafos de Pelé (1960)

Três autógrafos de Pelé (1960)

Preço normal
R$ 5.000,00
Preço promocional
R$ 5.000,00
Preço normal
Esgotado
Preço unitário
por 

Em 1960, Pelé, com apenas 20 anos e já Campeão do Mundo, assina três vezes um documento bancário com seu nome completo.

Documento bancário assinado três vezes por Pelé quando tinha 20 anos. Uma folha. 15 cm x 10.5 cm. Em português. Santos, 28/10/1960. Bom estado de conservação, fita durex no verso. Peça única.

Na época, Pelé (nascido em 1940) joga e mora em Santos há quatro anos e está no auge da sua carreira, o ano de 1961 sendo considerado pelos especialistas como o ano mais prolifico do jogador que marcou 110 gols, um ano depois da conquista de sua primeira Copa do Mundo e da Primeira Copa do Mundo do Brasil. Esse documento de banco foi redigido em uma agência do Banco de Minas na cidade de Santos, não temos informações sobre a finalidade dele e as outras pessoas mencionadas.

Por que esse documento é raro ?

Pelé faz parte das personalidades brasileiras mais conhecidas no mundo inteiro e é ainda muito popular, como um outro gênio do esporte, Ayrton Senna. Autógrafos dele não são muito raros, ele sempre foi muito atento com seus fãs, mas documentos mais singulares como cartas, manuscritos ou documentos autógrafos dele jovem são muito mais raros e procurados pelos colecionadores do mundo inteiro. Encontrado no Brasil recentemente, esse documento, com três assinaturas Edson A. de Nascimento, é absolutamente único. Gostamos especialmente da informação no verso : Profissão “futebolista”. Sim, O futebolista, o maior de todos, o Rei.