Menu
Carrinho 0

Guia do colecionador

Quais são os fatores que influenciam o valor de um documento autógrafo ?

Postado por Mathias Meyer em

O que é um autógrafo ? A palavra "autógrafo" é mal compreendida pelo público brasileiro, pois para a maioria das pessoas, é sinônimo exato de assinatura (de um jogador de futebol, de um músico, de um ator de novela, etc.), quando na realidade qualquer papel com a letra de uma pessoa é seu autógrafo, com ou sem assinatura. Neste sentido, "autógrafo" é também um adjetivo : um bilhete, um desenho ou uma partitura musical são todos documentos autógrafos, porque são feitos inteiramente da mão do autor, seja com uma caneta, um lápis ou um pincel. Na verdade, o que menos...

Saiba mais →

A dedicatória, um documento autógrafo muito interessante

Postado por Mathias Meyer em

A dedicatória constitui-se de algumas palavras ou algumas linhas redigidas por um autor, na primeira página ou no final de um livro. O escritor mostra, assim, seus sentimentos de gratidão para alguém que comprou seu livro ou valoriza uma amizade, um parente, um amor ou mesmo um colaborador que - geralmente - contribuiu de alguma forma para a realização da obra. Ela pode ser impressa junto com o livro ou personalizada depois, manuscrita. Mesmo se a forma mais comum dela se refere a livros, podemos considerar que fotografias, CDs ou até obras de arte podem ganhar umas palavras escritas por...

Saiba mais →

Desenhos antigos e contemporâneos

Postado por Mathias Meyer em

Os salões e os leilões dedicados aos desenhos antigos e contemporâneos, que acontecem no fim de março, em Paris, são ótimas oportunidades para conhecer esse tipo particular de arte, que requer um profundo conhecimento artístico. Muito mais baratos que as pinturas, atraem cada vez mais amadores de objetos antigos. A consequência : os preços disparam. Com dezessete anos de existência, o Salão do desenho, que acontece entre 9 e 14 de abril, tornou Paris a capital mundial do mercado de obras em papel. Acompanhado pelo Salão do desenho contemporâneo, depois por uma das feiras “off” (oficiais) da FIAC (Feira Internacional de...

Saiba mais →

A arte de decifrar manuscritos : a paleografia

Postado por Mathias Meyer em

Entrevistas com uma estudante em paleografia e uma especialista do ramo. As explicações de uma estudante em paleografia O que é a paleografia ? A paleografia é a ciência da decifração dos manuscritos e tem por objetivo capacitar a leitura e transcrição de documentos e livros. Segundo Ana Regina Berwanger e João Eurípedes Franklin Leal, a paleografia “pode ser considerada arte ou ciência. É ciência na parte teórica. É arte na aplicação prática. Porém, acima de tudo, é uma técnica”. Técnica que exige talento e prática. Porque precisamos de paleógrafos ? A leitura de documentos manuscritos torna-se um desafio no...

Saiba mais →

Papel antigo : algumas reflexões

Postado por Mathias Meyer em

O papel antigo e sua evolução O papel tem uma história rica que percorreu diversos países e suas culturas, além de ter uma importância essencial e inquestionável no desenvolvimento da sociedade. Para traçar sua evolução, é preciso ter uma abrangente visão sobre os incansáveis esforços e criatividade humana, responsável pela produção de diversos tipos de papéis antigos até a criação do papel que conhecemos hoje. Graças à maravilhosa criação do papel, muitas recordações e história de outras épocas foram armazenadas para que seja possível ter informações de como eram as sociedades em tempos passados. O papel foi usado para muitas...

Saiba mais →



Faça inscrição e receba um vale compra de R$ 300 válido para qualquer documento.